Monthly Archives: Abril 2011

cmm #016

16 edições de um COISA BOA! o CRITICAL MASS MAPUTO está de volta e quer mostrar a Maputo, ao Mundo que tudo é possível!!

29 de Abril de 2011 . 18:00 . Praça da Independência

não seria um mundo melhor? . wouldn’t it be a better world?

16 editions of a GOOD THING! CRITICAL MASS MAPUTO is back and wants to show Maputo, the World, that everything is possible!!

April 29th . 6pm . Praça da Independência


Anúncios

PASSEIO DE DOMINGO . SUNDAY RIDE 17.04.2011

Domingo de Bicicleta em Maputo! 17 de Abril · 8:00 – 11:00

À descoberta do património histórico e arquitectónico de Maputo |
Ponto de encontro no Museu de História Natural  |
Fim do passeio no Jardim do Tunduro |




Sunday Ride in Maputo! April 17th · 8am – 11am
Discovering Maputo’s historical and architectural heritage |

Meeting point at the Natural History Museum |

End at the Jardim do Tunduro |

flashback cmm #015

“Participaram um total de 8 ciclistas, sendo que um saiu cedo e outro integrou o grupo a meio do percurso, pelo que durante maior parte do tempo fomos 7.
Numa feliz coincidência ao passarmos pela entrada do Jardim Tunduro um amigo tenista saía dos seus treinos em bicicleta e acompanhou-nos por todo o percurso.
O destaque do CMM deste mês foi para o quase acidente que se registou entre um dos nossos ciclistas e um carro. Um dos nossos habituais ciclistas tem o ousado hábito de colocar-se nos cruzamentos de forma a dar passagem aos outros ciclistas e impedir a passagem dos carros. Ao fazer o mesmo quando atravessávamos a Av. Marien Nguabi o condutor do carro que vinha na nossa direcção não deteve logo a sua marcha (creio que não estava mal intencionado porque vinha a baixa velocidade e embrenhado em conversa com toda sua família que estava no carro podendo ter assumido que passaríamos antes de ele chegar). Ao ver o Pedro travou no último instante evitando o acidente. Depois de uma breve troca de palavras o CMM seguiu viajem.
O pequeno susto enfatizou a importância de haver uma massa crítica de ciclistas para que se chame a atenção dos automobilistas.”
Remigídio . habitual ciclista do critical mass maputo

“There were 8 bikers in total, where one left early and one joined us in between. This making a group of 7 throughout most of the way.
In an interesting coincidence, while passing by the Jardim do Tunduro’s entrance a tenist friend, coming out of his training practice on his bike, joined the group and accompanied us until the end.
The most important episode of this edition was the “almost” accident one of our bikers suffered. He, as usual, is always the first to audaciously stop the auto traffic on junctions in order for the other bikers to pass. By the doing so when we were crossing Av. Marien Nguabi a driver that was coming in our direction didn’t brake straight away (i’m sure it wasn’t on purpose for he was talking to his whole family who seemed to be packed inside his car, immagining we’d passed before he ever got to us). As he looked at our friend, he stepped on hsi brakes just in time to avoid something serious. After a brief exchange of “words”, CMM went on.
This little scare enphasizes the importance in creating a good CRITICAL MASS of bikers that yells out to drivers!
Remigídio . one of the usuals in  critical mass maputo


fotos aqui . photos here